quarta-feira, 31 de maio de 2017

TOP 5 - Livros que me surpreenderam


Tudo bem com vocês??? Já fiz um post com os livros que me decepcionaram, caso queira conferir é só clique aqui. Sendo assim resolvi fazer o TOP 5 dos livros me surpreenderam. Então vamos começar:

1. Por favor, cuide da mamãe



A história gira em torno do desaparecimento de Park So-nyo, 69 anos, mãe de 4 filhos e o esposo moravam na aldeia onde ele cresceu. E fazia tempos que os filhos não iam até a aldeia. Pensando que era um fardo fazer duas comemorações, com dois rituais ancestrais próximos, Park So-nyo sugeriu que se reunissem apenas no aniversário do marido, um mês antes do seu.
Ao chegar a Seul para visitar os filhos e comemorar o aniversário dos dois, ela acaba se perdendo no marido em meio à multidão na plataforma da estação de metrô. O marido, que sempre andou na sua frente, durante os mais de 50 anos de casamento, simplesmente supôs que a esposa o seguia, sendo essa é a última vez em que Park é vista.
Após o seu desaparecimento os filhos e o marido começam a procura-la, visitam hospitais, necrotério, delegacias e entregam panfletos pela cidade, tentando encontra-la, mas aos poucos perceber, com grande remorso que nunca a conheceram e que a mamãe já havia desaparecido de suas vidas há muito tempo, muito antes de se perder em Seul.

Quando ouvi falar desse livro, pelo titulo, imaginei que seria um pouco piegas, clichê... Mas terminei a leitura AMANDO o livro e bem surpreendida pelo caminho que a historia tomou. Já tem post sobre o livro aqui no blog, caso queira conferir é só clicar aqui. Infelizmente o livro está esgotado.


2. O Crime do Padre Amaro


        
A sinopse é simples: Luiza, esposa de Jorge, é uma leitora voraz de romances, seu marido é um engenheiro e viaja muito a negócios, e numa dessas viagens, Basílio, primo de Luiza e seu namorado de infância, passa a visitar muito a casa, o que provoca comentários da vizinhança, comentários esses não injustificáveis, já que Luiza e Basílio se tornam amantes. Esse é o enredo do livro.
Tive que ler esse livro no 3º Ano do meu Ensino Médio. E quando a professora passou a leitura eu logo imaginei: LÁ VEM LIVRO CHATO, por se tratar de um livro antigo, do período realista, e na época eu lia basicamente romances policiais. Acabou que eu li o livro, AMEI a historia  tive muita vontade de socar a cara do padre, tive. O que é super normal quando você está lendo Eça. Já tem post sobre o livro aqui no blog, caso queira conferir é só clicar aqui.


3. Cidades Mortas



Esse foi outro livro que tive ler durante o Ensino Médio. Eu conhecia Monteiro por suas obras infantis, e fiquei bastante surpresa quando descobri que ele tinha obras voltadas ao publico adulto, como Negrinha, O Macaco que se fez homem, Urupês, O Presidente Negro e o sensacional Cidades Mortas, que é o meu preferido dentre eles.
Nessa obra Monteiro Lobato apresenta toda sua “irreverência” e seu grande senso crítico. Lobato faz críticas, de forma cômica e bem-humorada, ao governo e seus ministérios, e mostra que apesar do tempo que se passou, a situação do Brasil continua a mesma. Usando como pano de fundo o decadente Vale do Paraíba, Monteiro retrata a desolação provocada pela crise do café. Livro maravilhoso, que me rendeu boas risadas e reflexões; recomendo muitíssimo.


4. Trilogia Jogos Vorazes



A trilogia composta por Jogos Vorazes, Em Chamas e A Esperança me surpreenderam bastante. Trata-se de uma distopia, que se passa no futuro, após vários desastres naturais e destruições provocadas por guerras, onde o que restou da América do Norte se tornou Panem, que é dividida em 13 distritos governados pela Capital, atualmente presidida por Snow. Não sabemos se existem outros países, ou se o único país restante seria Panem, isso não fica claro na obra.
Após uma rebelião mal sucedida contra a Capital, que resulta na aniquilação do distrito 13, é instaurado os Jogos Vorazes: todos os anos se realizam a Colheita, onde são selecionados um casal de jovens, entre 12 e 18 anos, de cada distrito, que são colocados em uma “arena” para lutarem até a morte, e apenas 1 sai vivo.
Nesse primeiro livro conhecemos o funcionamento dos Jogos e sua história. Confesso que eu pensei que não fosse gostar da Trilogia: primeiro pelo tema – jovens tendo de se matar até a morte e logo imaginei um desfecho no melhor estilo “amor salva tudo no final”, com bastante romance e pegação.
Preciso disser que me enganei? E gostei muito das questões politicas e sociais abordadas na obra e a forma com que foram abordadas. Embora creia que um narrativa em terceira pessoa teria dado mais certo.


5. Caixa de Pássaros



Em um mundo de recursos escassos, olhos vendados e um terror persistente, encarar os próprios medos é apenas o inicio da viagem. Quatro anos depois de tudo ter começado, restaram poucos sobreviventes, incluindo Malorie e seus dois filhos pequenos. Morando numa casa abandonada próxima ao rio, ela sonha há tempos em fugir para um local onde sua família possa ficar em segurança. Mas a jornada que têm pela frente será assustadora: 32 quilômetros rio abaixo em um barco a remo, vendados, contando apenas com a inteligência de Malorie e os ouvidos treinados das crianças. Uma decisão errada e eles morrem. E ainda há alguma coisa os seguindo. Será que é um homem, um animal ou uma criatura desconhecida?
A história é envolvente, trás um terror psicológico tão tenso, tão denso que foi difícil fazer pausas na leitura, pela ansiedade por se descobrir respostas, de saber o que vai acontecer, se for possível leia de uma tacada só. Já tem post aqui no blog, caso queira conferir é só clicar aqui.

Então é isso. FICA SUPER MEGA HIPER BLASTER recomendado esses livros.

Caso queira comprar alguns dos livros, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional. Beijos e até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário