sexta-feira, 28 de abril de 2017

Projeto de Leitura em Conjunto - O Conde de Monte Cristo #1




Planner

Caso queira comprar alguns dos livros, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional. Beijos e até a próxima.

quarta-feira, 26 de abril de 2017

TOP 5 - Livros que me decepcionaram





A verdade sobre nós (sairá dia 15/05/2017)


Caso queira comprar o livro, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional.


segunda-feira, 24 de abril de 2017

Viajei com: Sete Minutos Depois da Meia-Noite (O Chamado do Monstro) - Patrick Ness


Tudo bem com vocês? Hoje quero comentar com vocês sobre o livro Sete Minutos Depois da Meia-Noite. O livro foi escrito por Patrick Ness, mas baseado na ideia da escritora Siobhan Dowd, que morreu de câncer aos 47 anos.

Caso queira comprar o livro, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional.


Sinopse: Conor é um garoto de 13 anos e está com muitos problemas na vida. A mãe dele está muito doente, passando por tratamentos rigorosos. Os colegas da escola agem como se ele fosse invisível, exceto por Harry e seus amigos que o provocam diariamente. A avó de Conor, que não é como as outras avós, está chegando para uma longa estadia. E, além do pesadelo terrível que o faz acordar em desespero todas as noites, às 00h07 ele recebe a visita de um monstro que conta histórias sem sentido. O monstro vive na Terra há muito tempo, é grandioso e selvagem, mas Conor não teme a aparência dele. Na verdade, ele teme o que o monstro quer, uma coisa muito frágil e perigosa. O monstro quer a verdade. Baseado na ideia de, Sete minutos depois da meia-noite é um livro em que fantasia e realidade se misturam. Ele nos fala dos sentimentos de perda, medo e solidão e também da coragem e da compaixão necessárias para ultrapassá-los.

Gostei muito do livro, é muito emocionante, é muito curto, tem apenas 155 páginas, é muito impactante, o livro fala muito de sentimentos, de como lhe dar com eles, de como entendê-los. Há duas frases do monstro que gostei MUITO:



Não cheguei a chorar, mas me emocionou muito. Não sou de chorar lendo, até hoje só chorei com a conversa do Harry com o Lupin, seus pais e Sirius na Floresta Proibida em As Relíquias da Morte; e com a conversa da Katniss com o gato da Prim e A Esperança. Sou muito mais de chorar assistindo do que lendo.


O livro já foi publicado com o titulo O Chamado do Monstro, e vem com ilustrações. Peguei a edição ilustrada emprestada na escola onde trabalho para poder mostrar os detalhes para vocês.


A edição que comprei é com a capa do filme, lançamento de 2017, e achei ela bem bonita, mas ela não vem com ilustrações, e possui uma edição simples, mas com bom espaçamento.



Então fica mega recomendado. Quero muito assisti ao filme, mas ainda não consegui. Espero que vocês tenham gostado, beijos e até a próxima.

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Bela e a Fera - Jeanne-Marie Leprince de Beaumont (Editora Poetisa - Detalhes)


Tudo bem com vocês??? No post de hoje irei mostrar detalhes do livro Bela e a Fera, da editora Poetisa, que trás a versão Jeanne-Marie Leprince de Beaumont.

Caso queira comprar o livro, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional.

Edição da editora Poetisa


Ainda não li esse livro, mas quero fazer a leitura em breve, juntamente com as versões da Zahar e da Universo do Livro.






Provavelmente nas férias de Julho, até lá espero conseguir comprar o livro Pop Up e o livro da Novo Século, Um conto às avessas de A Bela e a Fera.





Então vamos aos detalhes.
 
Parte interna da capa.

Orelha grande - AMO












Espero que vocês tenham gostado. Beijos e até a próxima.

quarta-feira, 19 de abril de 2017

segunda-feira, 17 de abril de 2017

Viajei com: Coração de Aço - Brandon Sanderson


Tudo bem com vocês??? No post de hoje quero conversar um pouquinho sobre o livro Coração de Aço de Brandon Sanderson. O livro veio na minha mala do Turista Literário de Dezembro, caso queira conferir o Unboxing é só clicar no link.

Caso queira comprar o livro, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional.


Quando um fenômeno desconhecido, denominado como Calamidade, surge nos céus, semelhante a uma estrela de fogo, pessoas comuns ganharam os mais variados poderes sobre-humanos: invisibilidade, controle sobre a terra, o fogo, o ar, a água, a energia, etc.


Os Épicos, como passam a se chamar as pessoas que receberam esses poderes, ao invés de se tornaram heróis, como algumas pessoas esperavam, se tornam ditadores sedentos de poder, que lutaram entre si para conseguir o domínio de suas cidades.
Nova Chicago, onde se passa a história, é dominada por Coração de Aço, um dos épicos mais poderosos, que possui o poder de transformar matérias inanimadas, inclusive cadáveres, em aço, além de invulnerabilidade: tiro, explosões, NADA o afeta.
Mas como todos os épicos, ele tem uma fraqueza. O pai de David, o narrador da história, foi o único que conseguiu ferir, Coração de Aço, mesmo que acidentalmente. Por causa disso Coração de Aço o matou e a todos que testemunharam a cena, menos David, que foi criado numa Fabrica, uma espécie de orfanato, onde as crianças trabalham em troca de comida, escola e abrigo.
Durante 10 anos David tem reunido informações sobre os épicos: seus poderes, suas fraquezas, ataques, fotos, tudo e qualquer informação que ajude ele a lutar contra eles. Seu sonho é se juntar aos Executores, um grupo que luta contra os épicos.
O livro é narrado em primeira pessoa pelo David, o que é bem interessante para no desenrolar da história, já que sabemos acesso apenas ao David sabe, vê ou pensa. E isso torna o livro com MUITAS reviravoltas.
O livro tem uma pegada bem infato-juvenil, com direito a paixonite adolescente. A história é MUITO bem escrita, com bons diálogos, tiradas engraçadas, e Brandon consegue transcrever de uma forma muito visual, muito real as batalhas e todas as situações. Durante a leitura ficamos tensos, rimos e nos espantamos – é SENSACIONAL, ainda mais que o livro tem essa pegada de super-heróis, mas às avessas.
A edição está muito boa, com espaçamento bom, papel amarelado, que muito amor, capa muito show.


Então ALEPH sua LINDA, lança logo os demais volumes dessa série, que já foram lançados lá fora, por que tá osso a ansiedade.

Então é isso pessoal, fica muito recomendado o livro. Espero que vocês tenham gostado. Beijos e até a próxima.

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Meu Presente de Amigo Secreto de Páscoa


Caso queira comprar alguns desses livro, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional.

quarta-feira, 12 de abril de 2017

Quadrinha - Carlos Drummond de Andrade

Quadrilha

João amava Teresa que amava Raimundo
que amava Maria que amava Joaquim que amava Lili
que não amava ninguém.
João foi para os Estados Unidos, Teresa para o convento,
Raimundo morreu de desastre, Maria ficou para tia,
Joaquim suicidou-se e Lili casou com J. Pinto Fernandes
que não tinha entrado na história.

(Carlos Drummond de Andrade)


segunda-feira, 10 de abril de 2017

Viajei com: Harry Potter e a Criança Amaldiçoada


Tudo bem com vocês??? Hoje quero conversar um pouco sobre o livro Harry Potter e a Criança Amaldiçoada que também poderia ser chamado de Harry Potter e o que teria sido se Hermione não fosse sua amiga.

Caso queira comprar o livro, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional.


Harry Potter e a criança amaldiçoada é a edição impressa do roteiro de ensaio da peça escrita por J.K. Rowling em parceria com Jack Thorne e John Tiffany, ou seja, a história não foi totalmente escrita pela J. K., e não é estruturado na forma de romance como os outros sete livros da série, mas em forma de peça de teatro e se passa exatamente a partir do epílogo de Relíquias da Morte.
Alvo sempre sentiu o peso de ser um Potter, e nunca gostou dessa situação, dessa “exigência” por parte das pessoas para que ele fosse bom em tudo, já que ele é filho do famoso Harry Potter. E para imensa surpresa de todos, na cerimônia de seleção dos alunos para as casas, eis que Alvo é colocado na Sonserina, sim, um Potter na Sonserina, e para piorar, ele não se sai muito bem nas aulas.
Assim como na série de Harry Potter, a amizade é um tema muito presente, mas desta vez, não um trio, mas uma dupla. Em sua primeira viagem no Expresso de Hogwarts, Alvo conhece Escorpio, filho do Draco, com a Astoria, que é uma pessoa FANTÁSTICA.
Mas ao contrário de suas expectativas, Hogwarts não foi um lugar muito divertido para os dois: Alvo apontado e criticado por não ser parecido com o pai. Escopio sofre pelo boatos que se espalham, que Voldemort teria tido um filho, e que essa criança seria Escorpio. E ambos se apoiam se ajudam.
Alvo me lembrou MUITO, MUITO, MUITO mesmo, o Harry no seu quinto ano em Hogwarts, rebelde, impulsivo, o que parece não ter mudado muito, e acaba tornando a relação entre pai e filho muito conturbada.
Os três primeiros anos de Alvo e Escorpio em Hogwarts, praticamente não são mostrados na história, sendo focado no 4º ano deles. Certa noite, Amos Diggory, vai até a casa de Harry, implorar que ele use o vira-tempo confiscado pelo Ministério para tentar salvar Cedrico.
Diante da recusa de seu pai, Alvo, instigado por Delfi, que se apresenta com sobrinha de Amos, volta junto com ela e Escorpio para tentar salvar Cedrico, e fazer merda. E tentando consertar fazem mais merda ainda.
Esse livro apresentam muitas pontas soltas, muitos pontos mal desenvolvidos, que poderiam ser melhores desenvolvidos e explicados se fosse na forma de romance, por exemplo como as atitudes de Alvo mudaram tanto do 1º para o 2º ano. Mas como peça de teatro a historia é até que bem fechadinha.
Não é uma história que funcionaria como filme, para isso deveria ser MUITO, MUITO mais desenvolvida e alguns problemas solucionados, mas uma boa forma de permitir um maior acesso aos fã seria fazer com a peça o que fizeram com a peça Os Miseráveis,  gravar no teatro e disponibilizar como DVD.
Em resumo, gostei do livro, mas não é tudo o que estávamos esperando. Vale a pena, vale, e claro há MUITAS, MUITAS referencias a série – personagens, feitiços, eventos.

Então é isso, espero que vocês tenham gostado, beijos e até a próxima.

sexta-feira, 7 de abril de 2017

quarta-feira, 5 de abril de 2017

A Dança - Pablo Neruda


Tudo bem com vocês??? Hoje teremos mais um Pablo Neruda. Estou apaixonada pela poesia dela.

A DANÇA
Pablo Neruda

Não te amo como se fosses a rosa de sal, topázio
Ou flechas de cravos que propagam o fogo:
Te amo como se amam certas coisas obscuras,
Secretamente, entre a sombra e a alma.
Te amo como a planta que não floresce e leva
Dentro de si, oculta, a luz daquelas flores,
E graças a teu amor vive escuro em meu corpo
O apertado aroma que ascendeu da terra.
Te amo sem saber como, nem quando, nem onde,
Te amo assim diretamente sem problemas nem orgulho:
Assim te amo porque não sei amar de outra maneira,
Senão assim deste modo que não sou nem és,
Tão perto que tua mão sobre o meu peito é minha,
Tão perto que se fecham teus olhos com meu sonho.
Antes de amar-te, amor, nada era meu:
Vacilei pelas ruas e as coisas:
Nada contava nem tinha nome:
O mundo era do ar que esperava.
E conheci salões cinzentos,
Túneis habitados pela lua,
Hangares cruéis que se dependiam,
Perguntas que insistiam na areia.
Tudo estava vazio, morto e mudo,
Caído, abandonado, decaído,
Tudo era inalianavelmente alheio,
Tudo era dos outros e de ninguém,
Até que tua beleza e tua pobreza
De dádivas encheram o outono.


Espero que vocês tenham gostado, beijos e até a próxima.

segunda-feira, 3 de abril de 2017

Viajei com: O Vale do Medo - Sir Arthur Conan Doyle


No post de hoje quero comentar com vocês sobre o livro O Vale do Medo de Sir Arthur Conan Doyle.

Caso queira comprar o livro, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional.


Tudo começa com uma mensagem cifrada que Sherlock Holmes recebe. Em um processo de analise e observação ele e Watson descobrem que um certo John Douglas, proprietário e morador do Solar Birlstone, está correndo risco de morrer.
Mas pouco podem fazer por John, o assassinato fora consumado na noite anterior, em circunstâncias extraordinárias. O solar possui uma ponte levadiça que fora suspensa durante a tarde e permaneceu suspensa até a chegada da policia. Como alguém poderia ter pulado o profundo fosso que cercava a construção?
Assim como Um estudo em Vermelho esse romance é dividido em duas partes. A primeira com a apresentação do caso e a investigação e a segunda com a história por trás do ocorrido. Eu acho difícil escolher uma ordem de preferencia dos romances, o que menos gostei seria O Signo dos Quatro, e talvez O Cão dos Baskeville seria o meu preferido (por que OH livro tenso) e Um Estudo em Vermelho disputaria o 2º e 0 3º lugar com O Vale do Terror.
Há reviravoltas, muitas pistas, muitas perguntas... Na primeira leitura eu não consegui entender as pistas que foram deixadas, os alertas de Holmes, mas nessa segunda leitura vi como é um caso bem simples em sua essência, mas muito bom e bem bolado. Mas os últimos parágrafos me deixaram tristes com o desfecho da história.
Se você nunca leu esse livro: LEIA, mas não procure mais informações, deixe a história te surpreender.

Você quer um livro para descontrair? Um livro para se divertir e passar o tempo? Qualquer livro do Sherlock será um prato cheio para você. Então é isso espero que vocês tenham gostado. Beijos e até a próxima.