sexta-feira, 23 de setembro de 2016

MEU PATRONO


TUDO BEM COM VOCÊS???? Sei que estou sumida, os motivos são os mesmos: correria do trabalho, estudando... OH GOD... Mas vamos ao que interessa: FINALMENTE O POTTERMORE LANÇOU O TESTE OFICIAL PARA SABERMOS O NOSSO PATRONO.



Fiquei um pouco perdida no primeiro teste, cliquei sem querer em uma, e outra questão sumiu por que eu não respondi... Por isso criei outra conta para fazer um teste bem feito e certinho. Acabou que: minha casa de Hogwarts permanece sendo Ravenclaw – pela quarta vez (o do meu coração, o teste antigo, o novo na conta antiga, e nessa nova conta)... Disso eu já sabia – MINHA CASA DO CORAÇÃO.



Mas minha casa em Ilvermorny não foi a mesma, no primeiro teste eu havia sido colocada em Wampus (Pumaruna) – A casa Pumaruna representa o corpo de um bruxo ou feiticeira e favorece os alunos guerreiros com espírito combativo.



Mas nesse segundo teste fui colocada na casa de Thunderbird (Pássaro Trovão) – A casa Pássaro-Travão representa a alma de um feiticeiro ou bruxa e favorece os alunos aventureiros e exploradores. O que eu achei mais a minha cara.



Minha varinha era de Abeto e núcleo de fibra do coração de dragão, 24 cm e rígida. Segundo o texto do Pottermore, traduzido pelos LINDOS do Potterish:

“Abeto (Fir): Meu avô Gerbold Octavios Olivaras sempre chamou as varinhas dessa madeira de “sobreviventes”, pois ele vendeu varinhas de abeto para três bruxos que logo depois passaram por um perigo mortal. Não há dúvidas de que essa madeira, que vem de uma das árvores mais flexíveis que existem, produz varinhas com um poder muito estável e forte para seus verdadeiros donos, e não funciona bem com os que não tem muitas habilidades ou que sejam indecisos. Varinhas de abeto são particularmente ligadas à transfiguração, e escolhem donos que sejam focados, tenham força mental e ocasionalmente pessoas intimidadoras.”

“Dragão: Como uma regra, fibra de coração de dragão produz as varinhas mais poderosas, e que são capazes de fazer os feitiços mais elaborados. Varinhas de dragão tendem a aprender mais rápido do que as feitas de outros objetos.”

Minha nova varinha é de espinheiro negro e núcleo da cauda de fênix, 24 cm e rígida.

“Espinheiro-Negro (Blackthorn): O espinheiro-negro é uma madeira muito incomum na fabricação de varinhas, e tem a reputação, ao meu ver, de ser uma varinha para guerreiros. Isso não significa que seu dono, necessariamente, pratique Artes das Trevas (embora seja inegável que aqueles que o fazem gostam do prodigioso poder dessa varinha).”

“Fênix: Esse é o mais raro dos núcleos. Penas de fênix são capazes de fazer uma grande variedade de feitiços, embora ela leve um tempo maior que as de dragão ou unicórnio para revelar isso. Elas mostram mais iniciativa, às vezes agindo por vontade própria, uma qualidade que muitos bruxos e bruxas não apreciam. Varinhas de pena de fênix são as mais críticas em se tratando de futuros donos, e as criaturas que elas escolhem são as mais independentes e destacadas do mundo. Essas varinhas são as mais difíceis de se personalizar, e sua fidelidade geralmente é algo difícil de se conquistar”.

AMEI minha nova varinha.



Vamos ao patrono. Na minha tentativa saiu um rato. Mas como expliquei no início me atrapalhei e não foi um teste preciso. Já no segundo teste, que foi para valer saiu: MANX CAT. Como eu já suspeitava – um felino.
  

QUE COISA MAIS LINDA.


Simplesmente ADOREI minha nova conta no Pottermore e o resultado dos meus testes. Espero que vocês tenham gostado. Deixem nos comentários os resultados de vocês. Beijos e até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário