segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Viajei com: Perdido em Marte - Andy Weir


Tudo bem com vocês??? Hoje quero conversar um pouco sobre o livro Perdido em Marte de Andy Weir.

Caso queira comprar o livro, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional.


Perdido em Marte é um livro de ficção científica e começa no ano de 2035. A NASA envia uma Missão Tripulada para Marte, a Ares 3, composta por 6 astronautas. Após 6 sóis em Marte, uma forte tempestade de areia obriga o abortamento da missão. Durante a evacuação e preparo para o lançamento, Mark Watney, o botânico e engenheiro da missão, é atingido por uma antena e dado como morto pelos colegas. Seguindo o protocolo estabelecido, a comandante Lewis da ordem de partida.
Mas... Mark não morreu. Quando ele acorda seu traje está danificado, um pedaço da antena perfurou sua barriga, e ele está sozinho em Marte, um planeta com condições inexistentes para vida.


Passado o primeiro impacto de se ver sozinho em planeta sem nenhuma condição de sobrevivência em longo prazo, Mark começa a se concentrar em encontrar soluções para: se comunicar com a Terra, conseguir alimento suficiente e água...
O livro é bem escrito, o autor fez uma pesquisa bem a profundada do assunto, não sei quanto aos cálculos, mas a parte biológica, químico-física faz muito sentido, sendo uma narrativa MUITO plausível e envolvente. É uma maravilhosa combinação de conceitos cientifico e uma escrita cativante.
A maior parte da história é conduzida por Mark, através dos Diários de Bordo em primeira pessoa, que são HILÁRIOS em vários momentos. Mark apesar de sua situação caótica e os riscos de morte eminente, mantem o bom humor o que torna a leitura muito prazerosa e divertida.
Esse livro é uma história de luta pela sobrevivência, de um ser humano tentando contornar DIVERSOS problemas, tentando estabelecer contato com a Terra e se manter vivo, mas não tem nenhum apelo dramático, pelo contrario, ele é MUITO divertido.
O livro foi adaptado para o cinema em 2015, com Matt Damon como Mark. O filme ficou muito bom, com uma fotografia incrível. Mas como acontece em qualquer adaptação, algumas coisas foram suprimidas ou alteradas, mas é foi uma boa adaptação.
FICA MEGA RECOMENDADO, a leitura e o filme. Beijos e até a próxima.



A única coisa que me desagradou foi que o livro se encerra com o Mark a bordo da Hermes. Não sabemos se eles conseguiram voltar em segurança para a Terra, o que aconteceu aos seis tripulantes da missão. Já o filme se estende e responde a essas questões. PONTO pro filme.

Nenhum comentário:

Postar um comentário