segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Viajei com: O Macaco que se fez Homem - Monteiro Lobato

Olá... O post de hoje é sobre o livro O Macaco que se fez homem de Monteiro Lobato.



Monteiro Lobato como contista para adultos é MUITO, mas muito diferente do Monteiro Lobato criador do Sítio. O estilo é bem variado, assim como seus personagens, o pano de fundo... Mas em comum os contos possuem um humor cáustico e um retrato da sociedade na época. Em suas obras voltadas para o público adulto, Monteiro destila toda sua ironia, sua sutileza (às vezes nem tão sutis assim), em suas criticas sociais, politicas... Publicado em 1923, o livro reúne contos de Monteiro Lobato que retratam a sociedade da época. Esses são os contos que compõem o livro, como contos são muito curtos fiz apenas pequenos comentários sobre o enredo.

- Era no paraíso...: traz a história que dá titulo ao livro, contando o surgimento do ser humano a partir do macaco.

- A nuvem de gafanhotos: nesse conto conhecemos Pedro Venâncio, que sonha em implantar um novo agrário em uma sua sonhada terra.

- Tragédia de um capão de pintos: um conto comovente de um galo e seus três filhos adotivos.

- Duas cavalgaduras: nesse conto temos a investigação da origem de um coelhinho de lã exposto na vitrine do sebo de um comerciante judeu.
      
- Um homem honesto: o título já explica, conheceremos um homem honesto, mas pobre.

- O bom marido: aqui somos apresentados a Teofrasto, o “bom marido” e a Isabel, sua esposa.

- O rapto: a história de um oculista.

- Marabá: uma verdadeira confusão.

- Fatia de vida: ...

- A morte do Camicego: um medo infantil...

Caso queira comprar o livro, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional. Beijos e até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário