segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Viajei com: A Viagem do Peregrino da Alvorada (As Crônicas de Nárnia) - C. S. Lewis

Olá, hoje teremos a quinta parte do Especial Nárnia – RETA FINAL. E a resenha da vez é sobre A Viagem do Peregrino da Alvorada. Esse é o segundo maior livro sobre Nárnia (o maior é A Última Batalha), com 111 páginas na edição de volume único da Martins Fontes.
 Um ano se passou desde as aventuras narradas em O Príncipe Caspian, e os irmãos Pevensie estão separados: Pedro está na casa do professor estudando para os exames, e Susana acompanha os pais, que foram para os Estados Unidos a trabalho. Por questões financeiras e de comodidade, Lúcia e Edmundo ficam na casa dos tios Arnaldo e Alberta. Sendo obrigados a aturar as implicâncias do primo, Eustáquio.
Eustáquio criticava os primos por acreditarem e conversarem sobre as aventuras em Nárnia, até que durante uma discussão, os três são transportados para Nárnia e encontram o agora rei Caspian a bordo do Peregrino da Alvorada.
Caspian e sua tripulação, estão a procura de sete lordes que foram enviados há muitos anos por seu tio Miraz para explorarem as Ilhas Solitárias, e que nunca mais retornaram.
Todas as aventuras do livro se passam durante as explorações dessas ilhas. E assim como nos demais livros, Aslam aparece para pontuar o certo e o errado, sem nenhuma fórmula mágica para os problemas, deixando a decisão para as próprias crianças.
O livro foi adaptado para o cinema e lançado em 2010, sendo o filme que mais teve alterações na história. Considero um bom filme, com um bom enredo, mas sem levar em consideração o fato de ser uma adaptação, pois como adaptação... houve muitas alterações na história, muitas.
Fica recomendado tanto o livro como o filme (claro que com a ressalva mencionada anteriormente). Espero que tenham gostado. Peço que ajudem a divulgar o blog.
Caso queira comprar o livro, é só clicar no LINK, e se você comprar QUALQUER livro por esse link você ajuda o blog sem nenhum custo adicional. Beijos e até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário